Unhas

Desde que a Dani postou, lá no A Taderbal, os esmaltes da edição limitada do Reinaldo Lourenço eu fico me prometendo que ‘no final de semana’ eu vou sentar e fazer as unhas (sim, pq como a Fla (Cheers to that!), eu me recuso a pagar 40 euros pra neguinho tirar cutícula pra mim).
Mas eu morrrrrrrro de perguiça de fazer as unhas!
E o pior é que não é só qd eu tenho que fazer minhas unhas não, essa preguiça é uma constante na minha vida quando o assunto é: ir no salão.
Eu sempre disse que devia ajoelhar e agradecer todo os dias por ter o cabelo liso, escorrido e ainda por cima normal! Se eu tivesse cabelo cacheado, crespo, seco, oleoso demais ou qq coisa que exigisse algum tratamento especial, eu ia ficar careca (tb deveria entrar com um pedido no vaticano para santificar minha mãe que nunca me deixou fazer permanente, frisar ou qq coisa do tipo no meu cabelo mesmo qd eu chorava aos meus 13 anos de idade que meu cabelo liso era sem graça demais)!
Nem no Brasil, onde salão de beleza é de acesso tão fácil, eu fazia questão de ir. Só ia quando tinha que cortar o cabelo (aí a dona do salão que já me conhecia desde os 13 anos), me enrolava e fazia algum tratamento de hidratação –mas nada que durasse mais do que 30 minutos senão eu começava a reclamar). Minha mãe tinha que brigar comigo pra eu ir fazer minhas unhas!! (mamãe sempre foi daquelas que mesmo que ela não use esmalte nenhum por causa da presa do dia a dia, as unhas dela tinha que ser feitas toda santa semana).
No escritório em SP tinha uma menina que falava que era relaxo. Mas não é não. Eu sou vaidosa sim, mas gente … ficar 30-40 minutos sentada enquanto alguém te cutuca (e o risco de alguém te cortar!!!!), não é pra mim.
Eu nem sou tão inquieta, mas é me colocar sentada naquelas mini cadeiras que eu começo a TER que sacudir os pés. A minha manicure de Vitória me dava altos esporros, mas não era culpa minha! Sem contar que eu azucrinava a pobre coitada com medo de ela me cortar (detalhe que ela NUNCA me machucou mesmo com todo o terremoto acontecendo nos meus membros inferiores). Quando mudei pra SP minha amiga de lá tinha que me obrigar a ir no salão do nosso prédio durante o almoço, senão eu passava o ano sem fazer as unhas.
Aqui na Bélgica eu fiz minhas unhas uma vez no ano passado e gastei mais de 1h! Falei que nunca mais fazia. Mamãe veio pra cá e me trouxe uns esmaltes novos para me persuadir. Deu certo uma vez. Depois eu fiquei enrolando ela.
Agora minhas mãos estão me incomodando e eu estou pensando em fazer as unhas no findi, mas vaisaberdeos se eu vou levar a promessa à sério dessa vez! É só eu querer marcar um horário comigo mesma que automaticamente começo a procurar desculpas.
Acho que vou é tomar vergonha na cara e procurar uma manicure brasileira aqui (sim, tem que ser brasileira pq eu só sei azucrinar os outros para tomar cuidado pq minha cutícula é fina, em português).
***************************
Deixa eu comemorar um coisa aqui! Mais um dia congelado, com a calçada cheeeeeeeeeeia de gelo e nem um escorregão básico eu tomei!!!! Uhuuuuuuuuu!! (para quem não me conhece, eu sou EXTREMAMENTE estabanada! Por isso é que eu vivo caindo das escadas –eu nem conto mais os tombos das escadas lá de casa, pq … uhm … perde a graça depois do tombo #10!). Desde que eu mudei pra cá, rola meio que um bolão entre alguns amigos para saber onde o tombo vai ser da próxima vez, massssss eu nunca caí no gelo!!! Escorregar, sim, 248451548751354 vezes, mas nunca me estatelei no chão de verdade!!! Parabéns pra mim!!!!!!!!!!

Anúncios

3 comentários sobre “Unhas

  1. estou meio obcecada por cores, mas sempre fiz as unhas religiosamente toda semana!

  2. Eu também não gosto de salão, é genético, passar mais de 30 minutos dentro de um me dá aflição, tanto que quando eu morava no Brasil fazia tudo em casa ou na casa das pessoas.
    Depilação na casa da depiladora, tudo rápido
    Unhas, a manicure vinha fazer na minha casa
    Só ira mesmo para cortar, nem escova eu faço, não tenho paciência e dói meu couro cabeludo.
    Mas entendo quem goste, afinal tem gosto para tudo e isso é ótimo.
    ***********************************************************
    Sorte sua não ter caído, mas somente escorregado. Eu não sou estabanada e quase não escorrego, mas na primeira vez que isso aconteceu no gelo eu caí e quebrei o braço, ninguém merece, rs.
    bjks

  3. tbem nao suporto ir ao salao, vou para cortar e pronto. Agora fazer unha eu adoro e minhas maos estavam pessimas horriveis, de dar doh, entao resolvi que todo sabado de noite (o Paul geralmente encontra os amigos no sabado) eu vou fazer a unha (hoje nao, estou podre, entao vou fazer amanha) e tem dado certo, faz acho que 1 mes que ando fazendo toda semana, estah muito melhor he, he. Mas o que me motivou a fazer, foi esse site aqui que vi um dia em algum blog, nem me lembro qual, da uma olhada, eles dao umas dicas legais, apesar de passarem uns esmaltes muuuito horriveis de vez em quando :-0
    http://maofeita.wordpress.com/

    bjs e boa sorte

    ps- obrigadissima pelo recadinho lah no blog, valeu.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s