Curtinhas sobre o Brasil

1 – lembram do meu protetor solar para cabelos? O óleo de lavanda da Colorist?!
Bom, eu ainda acho que ele faz milagre nos cabelos (e olha que eu coloquei minha irmã para testar e ela sofre bastante com o cabelo ressecado), mas tipo pensa em passar um monte de óleo no cabelo e ir para a praia com 35°c e sol forte.
Uma maravilha!
Fiquei tão incomodada com a nojentisse oleosa do meu cabelo que nem quis mais saber se o óleo amacia, protege ou faz milagre com os cabelos.

2 – esse ano eu tinha marcado para fazer drenagem linfática algumas vezes para ver *qualé*.
Sempre ouvi que drenagem era *tudibom* para celulite mas quando a moça começou a fazer uma massagem super fraquinha e suave, eu já sabia que não ia rolar comigo.
Eu sou daquelas que só acredita em milagres estéticos quando o processo envolve dores (tipo: não me manda fazer 50 abdominais na academia pq 50 abdominais não doem nada e não tem santo que me convença que vc não TEM que sair de lá com tanta dor que não consegue nem ficar em pé reta … mesma coisa para exercício para o bumbum, só funciona se doer tanto que não dá pra andar direito).
A moça logo entendendo a minha cara de “sério mesmo??!!! É só isso??!!” perguntou se eu queria trocar para uma massagem modeladora que doía bastante. Claro que eu quero!!!!
Cara, eu JURO que eu nunca senti dor igual. Ela começou fazendo massagem no meu bíceps e tipo, a dor era tanta que eu sentia choque na ponta dos dedos!!!
Depois de quase morrer lá na mesa, OBVIAMENTE marquei uma outra massagem na outra semana para mim e para minha irmã (pq *naonde* que eu ia sentir aquela dor toda sem ninguém para dividir!).
Eu não vou dizer que a massagem fez milagres (até pq eu estava no Brasil e de férias, o que significa que eu estava comendo uma quantidade absurda de açúcar), mas eu senti uma certa diferença na pele e a parte de trás das pernas ficou mais lisinha.
A Simone que fez minha massagem me deu algumas dicas super legais e agora eu tento fazer uma massagem genérica em casa (mas é bem verdade que eu não consigo me apertar tanto).
Se eu morasse em Vix, ia fazer a massagem uma vez por semana!
Detalhe: eu tava achando que meu sadismo passava dos limites pq marquei uma massagem 4 dias após a primeira (o que quer dizer que os roxinhos que apareceram na minha pele ainda estavam lá e ainda estavam doloridos), mas a Simone me disse ter clientes que fazem essa massagem TODOS OS DIAS quando tem que se preparar para algum evento tipo carnaval. Imagina!!!! Eu tava literalmente quase chorando na minha segunda massagem, me contorcendo de dor na mesa, quase mandando ela deixar minhas celulites em paz … pensa em fazer isso todos os dias com a pele e os músculos super sensíveis!

3 – quando você mora em um país onde vendendores de loja não dão muita atenção ao cliente (e muitas vezes são bem antipáticos) vc toma aquele choque inicial mas depois se acostuma.
Pode até achar legal poder entrar e sair de lojas sem ter ninguém te enchendo a paciência.
Aí vc vai para o Brasil e toma um choque reverso.
Eu sempre me esqueço como que vendedores de loja são no Brasil. Me esqueço que eles sempre te cumprimentam quando vc entra na loja e sempre perguntam se podem ajudar (e depois tomam o lugar da sua sombra).
Também esqueci que eles amam dar palpites baseados em gostos pessoais ou popularidade de produto (= “olha esse sapato verde e bolinhas laranjas com salto de 20cm! Chegou ontem e está sendo super procurado!! Vc viu no desfile de XXX?)
Na Moulage (que foi o único lugar onde comprei roupas esse ano), era um tal de ficar me ajudando a colocar vestido que, no início, me deixou extremamente sem graça (mas depois passou pq eu estava me sentindo em casa nos provadores gigantes … e o Felipe era um anjo que procurava vestidos pra mim).
Eu ainda não sei se prefiro lá ou aqui, pq eu amo que me deixem em paz quando estou olhando … mas também adoro ser paparicada.
Só sei que eu nunca mais vou poder falar mal da família do Mick que vai pro Brasil e praticamente ignora os vendedores das lojas.

Anúncios

3 comentários sobre “Curtinhas sobre o Brasil

  1. Eu tb nao suporto cabelo oleoso. Morro de agonia!

    Gente, lendo seu post, me lembrei dos vendedores brasileiros. Queria morrer qdo eles ficavam atrás de mim. Perdia até a vontade de comprar. rs

    bjos

  2. Fee querida, que bom que você voltou… estava morrendo de saudades!! As fotos do post debaixo estão lindas… a Rafa está cada vez mais linda e você arrasou na produção. Quanto a massagem que você comentou, acho que não ia aguentar a dor não. Meu nível de tolerância a dor é super baixo portanto prefiro ficar com as minhas celulitinhas do que morrer de dor. Beijocas

  3. Eu acho os vendedores do Brasil (do ES principalmente!) uns grandes chatos! Fico irritada com eles atrás de mim. Rs!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s